DSC_0311_site

Novo ano lectivo, problemas antigos!

Neste último ano intensificou-se a luta contra os problemas que ainda persistem no Ensino Superior. Aqui destacou-se a campanha nacional “Por Mais e Melhor Acção Social Escolar”, subscrita por 26 grupos e associações de estudantes, que contou com um abaixo-assinado com mais de 7000 assinaturas, e que foi marcada por uma manifestação em Lisboa na qual participaram centenas de estudantes do Ensino Superior e que acabou por resultar no congelamento do valor mínimo e máximo da propina, que apesar de ser muito insuficiente é uma importante vitória que aos estudantes pertence. No ano lectivo passado, por todo o país, houve abaixo-assinados a circular, murais pintados, concentrações de estudantes, e muitas outras acções de agitação. A luta é a solução, e todas estas acções, de maior ou menor dimensão, são um passo dado na direcção de recuperar os direitos que foram roubados aos estudantes.

Por isso, no novo ano lectivo que se inicia os estudantes podem alcançar mais vitórias e caminhar em direcção ao Ensino Público, gratuito, democrático e de qualidade a que todos têm direito. É preciso iniciar o ano a juntar mais vozes por bolsas de estudo justas em valor e em número, pela reposição do passe escolar, pela qualidade das residências e da cantina. É preciso juntar colegas para exigir professores, materiais, funcionários e infraestruturas capazes de assegurar a qualidade pedagógica. É necessário espalhar a palavra de que quantos mais forem os estudantes a exigir os seus direitos, mais será difícil avançar com a privatização pretendida através da passagem das instituições a fundações, o que implica um autofinanciamento de mais de 50%.

A Juventude Comunista Portuguesa tem um papel muito importante na resistência a estes ataques à educação, pela sua actividade junto dos estudantes e presença contínua na luta. Reforçar a JCP é também contribuir para que sejam mais os activistas e as vozes presentes no dia-a-dia da tua faculdade a trazer outros às reivindicações. É então o momento de todos os estudantes descontentes com a situação tomarem partido e darem um passo para terem condições mais justas e foi também por isso que a JCP lançou a Campanha “Mais JCP, Mais Luta, Avante por Abril”.

1401418_488559037910077_315019024_o_siteCom o início de um novo ano lectivo, a força que se traz das lutas anteriores tem de continuar para a frente. É preciso começar o ano com força para que não se permita que os ataques se prolonguem, para que o Orçamento de Estado reforce o financiamento necessário, para que se acabem as injustiças. Esta é uma batalha justa, que vale a pena travar. E só os estudantes, unidos e organizados, poderão defender aquilo que é seu.

Arquivado abaixo:AGIT